Quinta-feira, Fevereiro 22, 2024
spot_img

Licenciamento para pesca de camarão e caranguejo gerou 200 milhões de meticais

As licenças para a captura de camarão e caranguejo, geraram cerca de 200 milhões de meticais durante o primeiro semestre de 2021. Um desempenho avaliado em 56 por cento.

Segundo o director-geral Adjunto da Administração Nacional de Pescas, Cassamo Júnior, neste desempenho, o destaque vai para o licenciamento dos operadores de pesca industrial, cujas receitas foram de 155 milhões de meticais, cerca de 61 por cento.

No sector semi-industrial, as receitas foram de 37 milhões, enquanto no artesanal, a cifra foi de 1 milhão de meticais, o que corresponde a 57 e 8 por cento, respectivamente.

Em termos de captura do produto, o camarão registou um crescimento de 1340, em 2020, para 1518 no período em análise. Esta espécie teve, igualmente, um incremento de 38 por cento de rendimento médio diário.

Para além do camarão, o caranguejo teve um desempenho positivo, tendo já sido capturadas cerca de 850 toneladas no período em referência.

Os números são positivos, mas ainda persistem, no país, desafios para uma pesca sustentável.

“Precisamos de continuar a trabalhar para melhorarmos o cumprimento das medidas de gestão e para que possamos ter rapidamente melhores resultados”, disse Cassamo Júnior.

O director-geral Adjunto da Administração Nacional de Pescas defende ainda que, “é necessário melhorar a informação estatística, desenvolver estudos, com vista a tomar medidas de gestão acertadas, sobretudo no que diz respeito à fiscalização”.

Estes são apenas resultados preliminares. No presente ano, o país espera arrecadar, no geral, cerca de 420 milhões da actividade pesqueira, dos quais 344 milhões são do licenciamento pela captura do camarão e caranguejo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Partilhe:

spot_imgspot_img

Mais Lidas

Notícias Relacionadas
Notícias Relacionadas

Economia moçambicana cresceu 5% em 2023, impulsionada por indústria, turismo e agricultura

O Governo de Moçambique anunciou que o crescimento económico...

Autoridade Tributária: receitas cresceram 113,43% em 9 anos.

A Presidente da Autoridade Tributária (AT), Amélia Muendane, liderou...

Crédito à economia em Moçambique mantém tendência decrescente

O crédito concedido pelas instituições financeiras à economia moçambicana...

Taxa de juro de referência para crédito mantém-se em 23,50% em Fevereiro

A Associação Moçambicana de Bancos (AMB) anunciou que a...