Transitex dinamiza trocas comerciais entre Moçambique e Índia

A exportação de produtos moçambicanos para a China passa a beneficiar-se da isenção de encargos fiscais naquele país, ou seja, não serão cobradas taxas aduaneiras às mercadorias que partem de Moçambique para a China.

De acordo com um comunicado do Ministério das Finanças da China, citado pela imprensa internacional, além de Moçambique, mais 15 países receberam o estatuto “tarifa zero”.

A maioria dos países contemplados situa-se no continente africano, nomeadamente, Togo, Eritreia, República Centro-Africana, Guiné-Conacri, Ruanda, Sudão, Chade e Djibuti.

O despacho sobre a isenção das taxas aduaneiras vai cobrir 8 786 tipos de produtos importados.

Entre os produtos exportados para a China, o destaque vai para o alumínio, produtos agrícolas, madeira e minerais.

FONTEO País

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui