Sábado, Junho 15, 2024
spot_img

2020: Perspectivas de crescimento

Devido aos impactos da pandemia da COVID-19, espera-se que em 2020, a economia moçambicana possa registar um crescimento anual negativo em torno de 0.5%, conforme o previsto pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) em linha com as previsões da Confederação das Associações Económicas de Moçambique CTA no seu estudo sobre o Impacto da COVID-19 no sector empresarial e medidas para a sua mitigação.

Esta recessão esperada para a economia moçambicana em 2020, irá se dever, em parte, aos impactos negativos da COVID-19, que tiveram maior incidência no primeiro semestre do ano, e também ao efeito contágio proveniente da forte ligação existente entre a economia Moçambicana e a economia Sul africana, que segundo o FMI poderá crescer a -8% em 2020.

As taxas de juros mostram uma tendência de redução sistemática a partir de Abril de 2020, devido, em parte, ao desaperto da política monetária através da redução da taxa de juros da política monetária em resposta aos impactos económicos da pandemia da COVID-19.

Espera-se que as taxas de juros continuem a reduzir até o final do ano, visto que a inflação continua em níveis satisfatórios, o que dá espaço ao Banco de Moçambique para continuar a baixar as taxas de juros da política monetária.

Entrevistas Relacionadas

Cenário Fiscal de Médio Prazo (2025-2027): Despesas públicas mantém pressão sobre as finanças públicas

O Produto das medidas em curso de consolidação orçamental...

Moçambique responde ao GAFI com avaliação de ONGs: uma medida contra o financiamento ao terrorismo

O lançamento do relatório de avaliação de risco das...

Presidente da República apresentará último estado da nação em sessão Plenária de Julho

A Assembleia da República de Moçambique está programada para...

Banco de Moçambique reduz taxa de juro para 15%

O Banco de Moçambique anunciou a redução da sua...