A Galp voltou a obter a classificação de empresa mais sustentável da Europa no seu sector durante 2020 e a terceira melhor a nível mundial, de acordo com os critérios do Dow Jones Sustainability Indices (DJSI)

Além de manter a pontuação global que tinha alcançado na edição anterior deste ranking – ou seja, a melhor de sempre nos nove anos de presença da empresa nesses índices – a Galp conseguiu ainda aumentar o percentil obtido para os 97 pontos. 

No DJSI Europe, a Galp classificou-se no primeiro lugar entre as suas pares do setor de Oil & Gas Upstream & Integrated que foram avaliadas. 

No DJSI World, a energética portuguesa foi a terceira melhor entre as 59 companhias analisadas. “Esta distinção evidencia o forte compromisso da Galp com as melhores práticas que são a base da criação de valor sustentável para os nossos stakeholders. O reconhecimento pelo DJSI reforça a importância crítica destas práticas nas nossas actividades”, disse o CEO da Galp Carlos Gomes da Silva. 

De acordo com os resultados de 2020 do índice DJSI, a Galp lidera nas categorias de “Materialidade”, “Reporte Ambiental”, “Ecoeficiência Operacional”, “Estratégia Climática”, “Riscos Relacionados com Água”, “Reporte Social” e “Desenvolvimento de Capital Humano.”

Relacionado  Hotel Flutuante irá render pelo menos 3 milhões de USD

Além da liderança no DJSI, a Galp confirmou em 2020 a sua classificação triple-A (AAA) no MSCI e manteve a sua posição no top 5 entre as 50 empresas integradas de Oil & Gas avaliadas pelo Sustainalytics, duas das entidades de referência mais prestigiadas mundialmente na avaliação das práticas de sustentabilidade corporativas. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui