Quinta-feira, Julho 18, 2024
spot_img

Moçambique e Argélia pretendem estabelecer parceria para o desenvolvimento do sector energético

Uma delegação moçambicana liderada pelo ministro da Economia e Finanças, Max Tonela, está a realizar uma visita oficial de seis dias (de 26 a 31 de Maio) à República da Argélia. O objectivo principal desta visita é explorar as oportunidades de cooperação no sector energético entre os dois países, construindo sobre os acordos alcançados durante a estadia do chefe do Estado, Filipe Nyusi, na Argélia, em Fevereiro passado.

Segundo um comunicado divulgado nesta Terça-feira, 28 de Maio, pelo Club of Mozambique, a delegação moçambicana foi recebida em audiência pelo ministro da Energia e Minas da Argélia, Mohamed Arkab. Durante o encontro, Arkab enfatizou que esta reunião representa um passo significativo para promover relações bilaterais mais fortes e estimular interesses económicos conjuntos.

Durante os próximos dias, empresários e governantes de ambas as nações irão discutir e desenvolver parcerias no sector energético, seguindo o memorando de entendimento assinado em Fevereiro. Espera-se que a visita inclua discussões de alto nível e visitas locais às principais instalações energéticas e industriais, facilitando uma compreensão abrangente de potenciais empreendimentos colaborativos.

“A Argélia pretende expandir suas parcerias internacionais e alavancar a área da energia para impulsionar o desenvolvimento económico. Moçambique, com seu crescente setor energético e potencial económico, é visto como um parceiro estratégico neste esforço”, ressaltou o comunicado.

Esta iniciativa representa um marco importante na cooperação bilateral entre Moçambique e Argélia, com o potencial de impulsionar o desenvolvimento económico de ambos os países através de parcerias no sector energético.

Entrevistas Relacionadas

Moçambique propõe abordagem adaptada na transição energética para países em desenvolvimento

Moçambique defende que as metas globais para a redução...

Banco Mundial destina 150 Milhões de dólares para impulsionar o sector energético em Moçambique

O Banco Mundial vai canalizar  150 milhões de dólares...

Niassa: concluídas as obras da mini central hídrica de 400 milhões de meticais

As obras de construção da mini central hídrica de...

Empresa Sul-Coreana garante contrato de 31,1 milhões de dólares para modernizar a rede eléctrica em Moçambique

A sul-coreana Hyosung Heavy Industries garantiu um contrato significativo...