Quarta-feira, Fevereiro 21, 2024
spot_img

Moçambique será a quinta economia de maior crescimento global em 2023

O país está para alcançar um crescimento económico notável de 7% este ano, se tornando a 5ͣ economia de maior crescimento económico global em 2023, de acordo com o relatório do Fundo Monetário Internacional (FMI). Os números reflectem as projecções optimistas previamente divulgadas pelo Governo moçambicano, que já havia revisado para cima as expectativas de crescimento, superando o objectivo inicial de 5% estabelecido no Plano Económico e Social e Orçamento do Estado (PESOE) para 2023.

A análise do FMI endossa a visão optimista do governo, reafirmando a previsão de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 7%, solidificando a posição de Moçambique como o país com o maior crescimento económico na África Subsaariana neste ano. Este índice é mais do que o dobro da média dos 46 países da região, estimada em 3,3%.

O destaque para o desempenho económico de Moçambique coloca o país à frente na lista das economias africanas mais dinâmicas em 2023, atrás apenas da Líbia, que projecta um notável crescimento de 12,5%, recuperando de uma queda acentuada de -9,6% em 2022, segundo dados do relatório.

A posição de liderança de Moçambique na África Subsaariana é confirmada pelo relatório, que classifica o país à frente de economias significativas como a República Democrática do Congo (RDC), Costa do Marfim, Ruanda e Etiópia, formando o top cinco regional com taxas de crescimento variando entre 6,7% e 6,1%.

Comparativamente, outras grandes economias africanas apresentam crescimento mais modesto, com a Nigéria estimada em 2,9%, Angola em 1,3%, e a África do Sul com 0,9%. No contexto da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Guiné-Bissau e Cabo-Verde superam a média da região, enquanto São Tomé e Príncipe e Guiné Equatorial enfrentam desafios com taxas de crescimento de 0,5% e -6,2%, respectivamente.

Globalmente, o desempenho económico de Moçambique também se destaca. Se as previsões do FMI se confirmarem, o país será a segunda economia que mais cresce no continente, ficando atrás apenas da Líbia. Internacionalmente, Moçambique figura entre as cinco principais economias em ascensão, juntamente com a Guiana, Samoa, Fiji e Armênia, com todas as economias projectadas para crescerem a uma taxa impressionante de 7%.

Este desempenho económico de Moçambique, amplamente acima da média mundial de 3%, e superando até mesmo grandes potências como China e Índia, sinaliza um cenário promissor para o país. O crescimento robusto reforça a posição de Moçambique como um importante protagonista no panorama económico global, atraindo a atenção de investidores e destacando o potencial do país para impulsionar o desenvolvimento sustentável na região.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Partilhe:

spot_imgspot_img

Mais Lidas

Notícias Relacionadas
Notícias Relacionadas

Economia moçambicana cresceu 5% em 2023, impulsionada por indústria, turismo e agricultura

O Governo de Moçambique anunciou que o crescimento económico...

Autoridade Tributária: receitas cresceram 113,43% em 9 anos.

A Presidente da Autoridade Tributária (AT), Amélia Muendane, liderou...

Empresa norueguesa projecta a introdução de um serviço de pagamentos unificado em Moçambique

A empresa norueguesa de pagamentos SOFTEC está estudando o...

Crédito à economia em Moçambique mantém tendência decrescente

O crédito concedido pelas instituições financeiras à economia moçambicana...