Quinta-feira, Fevereiro 22, 2024
spot_img

Banco de Moçambique nomeia inspectora residente para o Standard BanK

Zaitina Raul Chilaule foi nomeada esta segunda-feira, pelo Banco de Moçambique, como inspectora residente no Standard Bank, uma instituição bancária de importância sistémica que foi suspensa durante um ano do mercado cambial moçambicano por “infracções graves”, lê-se numa nota do regulador.

“É da responsabilidade do inspector residente, entre outras tarefas, acompanhar a implementação do plano de acção dos accionistas, acompanhar e analisar a evolução do sistema de governação e controlo interno do banco, e participar em reuniões relevantes dos órgãos colegiados”, lê-se na nota do banco central, que também descreve Zaitina Raul Chilaule como um membro “senior staff” no Banco de Moçambique.

A suspensão do Standard Bank do Mercado Interbancário de Divisas foi anunciada a 23 de Junho, e no dia seguinte, o banco central anunciou a abertura de três “procedimentos contra-ordenacionais” contra aquele banco e dois dos seus funcionários, nomeadamente Adimohanma Chukwuma Nwokocha e Carlos Madeira, que foram proibidos de ocupar posições em instituições de crédito durante seis anos e devem pagar multas de seis milhões de meticais e 14 milhões de meticais, respectivamente.

O Standard Bank terá também de pagar uma multa de 290 milhões de meticais, após o banco central ter detectado “infracções graves” durante as inspecções, com ênfase na manipulação fraudulenta da taxa de câmbio.

Na nota de hoje, o Banco de Moçambique salienta que os accionistas dessa instituição estão a colaborar com o regulador, reiterando ainda que “todas as operações no sistema bancário estão a decorrer dentro da normalidade”.

Artigo anterior
Próximo artigo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Partilhe:

spot_imgspot_img

Mais Lidas

Notícias Relacionadas
Notícias Relacionadas

Business EXPO, 26 de Abril de 2024

Business EXPO, um evento que destaca a diversidade e...

Banco de Moçambique será confirmado como gestor operacional do fundo soberano

O Banco de Moçambique (BdM) está prestes a ser...

Empresa norueguesa projecta a introdução de um serviço de pagamentos unificado em Moçambique

A empresa norueguesa de pagamentos SOFTEC está estudando o...

Parque ecológico de Malhazine receberá investimentos turísticos

Nos próximos dias, um consórcio tripartido composto pelo Ministério...