Quinta-feira, Julho 18, 2024
spot_img

CTA e Embaixada da Ucrânia organizam Fórum de Negócios focado no Agronegócio

A Confederação das Associações Económicas de Moçambique (CTA) realizou uma reunião com a Embaixadora da República da Ucrânia em Moçambique, Liubov Abravitova, para preparar o Fórum de Negócios Moçambique-Ucrânia, que ocorrerá na próxima terça-feira, 4 de Junho, em Maputo.

O Fórum ocorre no contexto da visita de uma delegação de empresários ucranianos a Moçambique, visando explorar oportunidades de aumentar os investimentos e as trocas comerciais entre os dois países. Actualmente, o comércio entre Moçambique e Ucrânia totaliza aproximadamente 1,8 milhões de dólares americanos, representando 8,06% do comércio mundial de Moçambique. As importações da Ucrânia somam cerca de 1,4 milhões de dólares (aproximadamente 90,3 milhões de Meticais), enquanto as exportações para a Ucrânia chegam a 437 mil dólares (cerca de 27,9 milhões de Meticais).

Durante o encontro, o Presidente da CTA, Agostinho Vuma, expressou o interesse da Confederação em promover parcerias entre empresas ucranianas e moçambicanas, além de mobilizar investidores de diversos sectores, especialmente aqueles onde Moçambique possui vantagens comparativas.

A Embaixadora Liubov Abravitova reafirmou o compromisso da Embaixada em fortalecer as relações comerciais entre os dois países, destacando as iniciativas contínuas para fomentar esses laços.

Vale destacar que o portfólio de exportações de Moçambique continua dominado por produtos primários da indústria extractiva e energia eléctrica. Em 2022, o carvão mineral representou 34,4% das exportações, seguido pelo alumínio com 19,9%. Outros produtos notáveis incluem energia eléctrica (6,9%), areias pesadas (6,8%) e gás natural (6,5%). Entre os produtos tradicionais estão o tabaco, açúcar, castanha e amêndoa de caju, madeira, bananas, algodão, camarão e lagosta.

Este Fórum de Negócios é uma oportunidade significativa para fortalecer as relações comerciais e explorar novas oportunidades no sector do agronegócio entre Moçambique e a Ucrânia.

Entrevistas Relacionadas

FMI: Nada norteia atribuições de isenções fiscais em Moçambique

Alexis Meyer-Cirkel está de saída de Moçambique, onde esteve...

CMM Quer cooperar regionalmente na Indústria Mineira

O presidente do Conselho de Administração da Câmara de Minas...

Moçambique participa no Festival Standard Bank Luju Food & Lifestyle 2024

Moçambique marcará presença no Festival Standard Bank Luju Food...

CTA afirma não ter sido notificada sobre apreensão da sua sede

A Confederação Moçambicana das Associações Económicas (CTA) alega que...