Quarta-feira, Fevereiro 21, 2024
spot_img

FIKANI 2023: Moçambique representa 5% nos movimentos turísticos da África Austral

Durante a IX Feira Internacional de Turismo, que decorre em Maputo, o Governo apresentou pela segunda vez a estratégia MICE (Metings, Incentivos, Conferências e Eventos), destacando a necessidade de fortalecer os investimentos no sector do turismo. Apesar do cenário global movimentar aproximadamente 23 milhões no âmbito turístico, a África registou apenas 8 milhões de meticais. Ao longo de 5 anos, foram organizados 13.255 eventos de investimento globalmente, enquanto a África contabilizou 415 eventos no ramo turístico.

Esse descompasso reflecte directamente na contribuição para o Produto Interno Bruto (PIB) da África Austral. Embora os eventos globais correspondam a 330 milhões, Moçambique representa apenas 5% desse valor em seu PIB. Diante dessa disparidade, a estratégia MICE surge como uma iniciativa crucial para impulsionar, expandir e revitalizar o sector do turismo no país.

A implementação efectiva da estratégia MICE é considerada um passo fundamental para atrair mais eventos, conferências e investimentos, não apenas para impulsionar o turismo, mas também para contribuir para o crescimento económico sustentável de Moçambique. O país busca firmemente se posicionar como um destino privilegiado para eventos internacionais, reconhecendo o potencial do sector MICE como catalisador para o desenvolvimento económico.

Os analistas destacam que a diversificação dos esforços no turismo por meio da estratégia MICE não só aumentará a visibilidade de Moçambique como destino de eventos, mas também fomentará oportunidades de negócios e parcerias internacionais. A expectativa é que o país se torne um polo atractivo para congressos, conferências e incentivos, contribuindo não apenas para o sector turístico, mas também para a economia na totalidade.

Ao posicionar a estratégia MICE como uma peça-chave na promoção do turismo internacional em Moçambique, o país almeja não apenas superar as actuais lacunas, mas também consolidar sua presença como um destino dinâmico e vibrante para os eventos mais relevantes do cenário global.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Partilhe:

spot_imgspot_img

Mais Lidas

Notícias Relacionadas
Notícias Relacionadas

Inhambane pretende licenciar mais de 40 novos empreendimentos turísticos

As autoridades da província de Inhambane estão planeando licenciar...

Parque ecológico de Malhazine receberá investimentos turísticos

Nos próximos dias, um consórcio tripartido composto pelo Ministério...

FIKANI 2023: Maputo recebe a 9.ª edição da feira internacional do turismo

A cidade de Maputo se tornará o epicentro do...

Airlink aumenta voos entre Joanesburgo e Vilanculos para atender à crescente demanda

Assim, a Airlink aumentará os voos de ida e...