carvao_vale

Governo pretende preservar o funcionamento do projecto de extracção e exportação de carvão em Moatize, província de Tete, mesmo quando se consumar a saída da mineradora brasileira Vale.

Max Tonela, ministro dos Recursos Minerais e Energia, garantiu que o governo tem estado a acompanhar o processo, assegurando que não seja posto em causa a continuidade das operações do empreendimento de carvão em Moatize nem no corredor de Nacala.

Segundo Tonela, a transacção entre a Vale e a Mitsui – mineradora japonesa com quem a Vale operava – “deverá estar concluída ao longo de 2021, na sequência do cumprimento de condições preliminares, incluindo as aprovações das autoridades reguladoras competentes”.

Relacionado  MIREME aponta mais uma mineradora no negócio de rubis
FONTEDiário Económico

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui