Segunda-feira, Maio 20, 2024
spot_img

Governo preocupado com número de acidentes de trabalho

A ocorrência de um número considerável de acidentes de trabalho e de doenças ocupacionais, sobretudo nos sectores da mineração, construção civil e indústria transformadora no país, está a preocupar o Governo.

É neste contexto que o Primeiro-ministro, Carlos Agostinho do Rosário, exortou ontem o sector empresarial nacional a promover boas práticas sobre segurança e saúde no trabalho.
De acordo com o governante, no quinquénio 2015-2019, foi notificada a ocorrência de pouco mais de 2600 sinistros, representando uma média de 525 acidentes por ano, que resultaram na redução da capacidade para o trabalho ou mesmo na morte dos
trabalhadores.

“Os sectores da mineração, construção civil e indústria transformadora registaram cerca de 51% dos acidentes de trabalho notificados nesse período. Assim, este facto evidencia que os diversos intervenientes devem prestar especial atenção às acções de promoção de boas práticas sobre segurança e saúde no trabalho”, disse Do Rosário.

Falando em Maputo, na “Gala de Premiação em Boas Práticas de Segurança e Saúde no Trabalho”, num evento em que foram distinguidas 18 empresas, entre grandes, médias e pequenas, o Primeiro-ministro o explicou que a iniciativa insere-se no quadro das celebrações do Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho, ontem assinalado.

Entrevistas Relacionadas

ʺUm Olhar sobre os potenciais riscos de influência política nas decisões de política monetáriaʺ

A Lei Orgânica do Banco de Moçambique define como...

MOPHRH divulga oportunidades de investimento na N1

O Ministério das Obras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos...

Já são conhecidas as 30 Mulheres mais influentes na COMARP, em Moçambique

Decorreu na última sexta-feira (10), em Maputo, a Conferência...

Governo apresenta estratégias para acelerar a transição energética

O Ministro dos Recursos Minerais e Energia, Carlos Zacarias,...