Segunda-feira, Maio 27, 2024
spot_img

Governo quer expandir minas de produção de ouro em Manica e Cabo Delgado

O Governo quer expandir minas de produção de ouro nas províncias de Manica e Cabo Delgado, apostando no associativismo. Para o efeito, o ministro dos Recursos Minerais e Energia escalou há dias as indústrias mineiras activas na província de Tete.

As restrições da pandemia da COVID-19 resfriaram os níveis de produção do sector mineiro. Grande parte das indústrias reviu em baixa o seu plano de negócio para 2020.

O ministro dos Recursos Minerais e Energia, Max Tonela, efectuou há dias uma visita às unidades de produção mineira activas em Tete, com destaque para a maior mina de produção de ouro, cuja contribuição para os cofres do Estado tende a crescer.

Segundo Max Tonela, o plano passa por criar mais unidades de produção de ouro, através da aposta no associativismo.

Com uma produção à volta de 20 a 30 quilogramas por mês, os gestores da mina de ouro de Tete esperam aumentar os níveis de produção a curto prazo.

Da visita a maior mina de ouro, o governante manteve encontro com alguns operadores mineiros que queixaram-se da morosidade na tramitação de alguns documentos.

Ainda em Tete, Max Tonela visitou a mina da Vale Moçambique, que viu parte das operações paralisadas devido à pandemia.

O Governo projecta uma recuperação gradual do sector mineiro a partir do próximo ano.

Entrevistas Relacionadas

Presidente da CMM convida investidores internacionais a investirem em Moçambique

Falando na Junior Mining Indaba, em Johannesburg, o presidente...

JSW Steel Investe cerca de 74 milhões de dólares para aquisição de mina de carvão em Moçambique

A JSW Steel, gigante indiana do sector siderúrgico, anunciou...

Deccan Gold Mines investe em Moçambique com aquisição de lítio

A Deccan Gold Mines (DGML), a única empresa de...

Contribuição fiscal da Kenmare Resources alcançou 1,9 mil milhões de meticais em 2023

A Kenmare Resources, uma das principais produtoras globais de...