Sábado, Fevereiro 24, 2024
spot_img

Importadores de cerveja iniciam uso do selo digital

Os importadores de cerveja para a comercialização no mercado nacional já iniciaram o uso do selo digital exigido pela Autoridade Tributária de Moçambique (AT).

Para o efeito, acabam de chegar ao país mais de 275 mil garrafas de cerveja já com o selo digital, importadas de Portugal pela empresa Mega Distribuição de Moçambique SA, membro da Associação dos Produtores e Importadores de Bebidas Alcoólicas (APIBA).

O uso do selo digital na cerveja marca a terceira fase da selagem de tabaco manufacturado e bebidas alcoólicas que a entidade responsável pela área tributária no país está a introduzir para reduzir evasão fiscal e contrabando desses produtos.

Segundo Haydn David, coordenador regional de selagem, este momento demonstra que o processo está a avançar de acordo com o documento que regula e aprova a medida.

“Realmente, estamos perante o primeiro lote de muitos que ainda virão com o selo digital, no caso concreto a cerveja, importada de Portugal. Este é um marco importante para o processo de selagem”, disse.

A chegada do primeiro lote de cerveja importada com selo digital acontece numa altura em que o prazo para a exigência do selo obrigatório na circulação de cervejas e outras bebidas de rápido consumo (OTB) para a indústria nacional foi estendido por um período de três meses.

Inicialmente, as autoridades tinham fixado a primeira semana do mês em curso como limite para a liberalização da circulação de bebidas sem o selo digital.

A extensão do prazo, segundo explicou Haydn David, resulta do pedido manifestado pelos contribuintes, apresentando dois motivos, nomeadamente a dimensão do selo, que é considerado alongado e que não permite que seja colocado na garrafa sem pôr em causa os indicadores nele patentes.

Os contribuintes solicitaram que a dimensão do selo fosse reduzida de modo a permitir e facilitar a cravagem de outros indicadores sem comprometer as suas linhas de produção.

O segundo motivo invocado foi que certas empresas importadoras de bebidas alcoólicas vendem algumas marcas e tipos de bebida muito consumidas no nosso país, mas os seus fornecedores não concordavam com a selagem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Partilhe:

spot_imgspot_img

Mais Lidas

Notícias Relacionadas
Notícias Relacionadas

RITES da Índia vai fornecer locomotivas de 37,6 milhões de dólares para Moçambique

India Technical and Economic Service (RITES), consolidou um negócio...

Moçambique será o terceiro maior importador de arroz em África no Próximo Ano

De acordo com informações recentes divulgadas pela Business Africa...

Banco Alemão investe 45 milhões de Euros na gestão sustentável de Recursos Naturais na África Austral

Banco Alemão disponibilizou um financiamento avaliado em, 45 milhões...

Banco de Desenvolvimento Alemão investe 21 milhões de dólares em energias renováveis no país

O Banco de Desenvolvimento Alemão (KfW) pretende investir até...