- Anúncio-

Incubadora de negócios do Standard Bank promove imersão empresarial

Análise de Mercado

Arrancou recentemente a segunda edição do programa virtual de imersão empresarial Ideate Bootcamp.

Promovida pela Incubadora de Negócios do Standard Bank, em parceria com a IdeaLab, a iniciativa visa estimular o empreendedorismo e o desenvolvimento de ideias inovadoras para resolver os problemas das comunidades.

Trata-se de um programa que tem como objectivo transmitir, aos aspirantes a empreendedores, ferramentas que lhes permitam estruturar e validar as suas ideias de negócio de forma a garantir a sua sustentabilidade e escalabilidade.

Durante os cinco dias da formação, os participantes vão, ainda, obter conhecimentos e utilizar metodologias que lhes irão ajudar a criar e transformar ideias em acções concretas e com potencial para crescer, e ter um impacto positivo nas comunidades.

A sessão de abertura foi dirigida pela directora de Capital Humano do Standard Bank, Mónica Macamo, que, na sua intervenção, encorajou a partilha de ideias entre os participantes pois só assim é que poderão criar sinergias e fazer a diferença nas suas comunidades.

Na ocasião, Mónica Macamo apelou à capacidade de reinvenção e à adaptação ao novo normal, associado à pandemia do novo Coronavírus, que forçou as pessoas e as empresas a apostar em plataformas digitais.

“Temos que ter uma mente aberta para aprender a fazer as coisas de maneiras diferentes. Esperamos que durante a formação consigam conceber e consolidar as vossas ideias, que deverão ser transformadas em acções concretas que permitam gerar riqueza e postos de trabalho”, disse a directora de Capital Humano do Standard Bank.

Por seu turno, o representante da IdeaLab, Manuel Rego, considerou que a iniciativa tem ajudado muitos jovens a dar os primeiros passos na área do empreendedorismo, bem como a vencer os seus medos.

“Nós estamos aqui para transmitir a nossa experiência e contribuir para tornar Moçambique mais empreendedor. Este programa é uma caixa de ferramentas que pode ser usada para abrir qualquer tipo de empresa ou abordar qualquer desafio”, referiu Manuel Rego.

Importa realçar que, para a presente edição, candidataram- se 249 pessoas, das quais foram seleccionadas 51 para participar no programa, sendo 28 homens e 23 mulheres, provenientes das províncias de Cabo Delgado, Niassa, Nampula, Zambézia, Manica, Sofala, Inhambane, Gaza, Maputo e cidade de Maputo.

FonteFDS
- Anúncio-

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Anúncio-

Destaque

Presidente da ACIS incentiva as empresas a filiarem-se em associações

O Presidente da Associação de Comércio, Indústria e Serviços (ACIS) Luís Magaço Jr., encoraja os empresários a filiarem as...
- Anúncio-

More Articles Like This

- Advertisement -