Segunda-feira, Maio 27, 2024
spot_img

JICA financia 2 mil milhões de meticais no sector da energia em Moçambique

A Agência Japonesa para Cooperação Internacional (JICA) está a investir mais de 31 milhões de dólares, o equivalente a cerca de dois mil milhões de meticais, em projectos de desenvolvimento em Moçambique. Os investimentos abrangem a construção de fontes de abastecimento de água nas zonas rurais, reabilitação de estradas e o aumento da capacidade de geração de energia eléctrica em várias regiões do país.

De acordo com Oshima Fuka, responsável pelos programas da JICA em Moçambique, a agência está financiando 12 projectos de desenvolvimento no país, sendo seis deles por meio de donativos. Os esforços estão concentrados na melhoria da qualidade de vida da população, com foco especial nas províncias de Niassa e Nampula, no Norte do país.

Em Niassa, a JICA está investindo mais de 15 milhões de dólares na construção de quatro sistemas de abastecimento de água e 100 reservatórios, beneficiando mais de 87 mil pessoas. Já em Nampula, o foco está no reforço da capacidade de produção de energia eléctrica, com a construção de uma central de gás combinada em Nacala-Porto, aproveitando os projectos de exploração de gás em Cabo Delgado.

O conselheiro do director-geral para Cooperação com África, Yoshizawa Kei, reiterou o compromisso da JICA em continuar a apoiar financeiramente os projectos de desenvolvimento em Moçambique, alinhando-se com os compromissos assumidos na Conferência de Tóquio para o Desenvolvimento de África (TICAD). Ele destacou que a JICA pretende desembolsar mais de cinco biliões de dólares em áreas como saúde, educação e resiliência climática, visando impulsionar o desenvolvimento económico do continente africano e de Moçambique.

Ao longo dos últimos 20 anos, a JICA já investiu mais de 87 mil milhões de meticais em Moçambique, proporcionando formação técnica para mais de 17 mil moçambicanos e transferindo tecnologia para mais de 100 instituições públicas e privadas no país.

Este investimento da JICA representa um impulso significativo para o desenvolvimento de infra-estrutura crucial em Moçambique, fundamental para impulsionar o crescimento económico e melhorar a qualidade de vida da população.

Entrevistas Relacionadas

Moçambique busca parcerias privadas para expansão da rede energética

O Fundo Nacional de Energia (FUNAE) enfatizou a necessidade...

Moçambique registou um crescimento de 14% na produção de energia

A produção de electricidade através de parques solares em...

EDM revela crescimento de 9% na exportação de energia em 2023 para países vizinhos

A empresa pública Electricidade de Moçambique (EDM) divulgou que...

A transição energética representa uma grande oportunidade para Moçambique

Falando na Conferência de Energia e Mineração de Moçambique...