Quarta-feira, Fevereiro 21, 2024
spot_img

LAM e Stewart Sukuma reafirmam o Acordo de Parceria

Como um parceiro valioso e de longa data da LAM, o músico vai desempenhar um papel vital no aprimoramento da experiência dos clientes da companhia aérea de bandeira na implementação da sua visão estratégica de servir cada vez melhor aos seus clientes.

Na ocasião, o director geral da LAM, João Carlos Pó Jorge, explicou que o acordo vai permitir a realização, entre vários aspectos, de uma série de concertos nas cidades de Pemba, província de Cabo Delgado (já efectuado), Beira, província de Sofala, Tete, na província do mesmo nome, Quelimane, na Zambézia, e Maputo, no âmbito das celebrações dos 40 anos de carreira.

“Temos estado a acompanhar a sua carreira e sabemos que é um grande artista. Agora quis mostrar a sua arte e cultura a todo o País, a começar por Pemba, e a LAM predispôs-se a proporcionar-lhe transporte rápido, seguro e confortável”, indicou.

Com este gesto, conforme referiu o director geral, a companhia pretende, igualmente, reafirmar o seu apoio à cultura nacional: “Stewart Sukuma transmite o que nós temos estado a fazer, que é transportar pessoas e bens com segurança e comodidade, situações que têm caracterizado os concertos do músico”, frisou.

Para Stewart Sukuma, o acordo representa a consolidação de uma relação que mantém com a LAM, nos últimos 30 anos: “Muita gente deve conhecer a minha música intitulada Moçambique, cujo vídeo clip é sustentado por imagens, nas quais estou vestido como comandante de voo da LAM. Isso mostra o meu apreço a esta companhia de bandeira”.

“Eu penso que é uma forma muito bonita, de juntos, concretizarmos um sonho comum que é levar as pessoas a conhecer o País, através da LAM e também levar a cultura a vários cantos de Moçambique”, disse.

Numa outra abordagem, o artista considerou que viajar de avião é rápido e seguro, sendo particularmente recomendável quando se trata de digressões por serem bastante cansativas.

“Sou grato e estou convicto de que esta parceria vai dar os frutos desejados. É um acordo assente no princípio win-win, onde a LAM disponibiliza passagens aéreas e o artista a sua imagem”, concluiu Stewart Sukuma, que recentemente lançou o seu livro de estreia em poesia, intitulado “O Alfaiate e a Arte de Costurar o Amor”. (FDS)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Partilhe:

spot_imgspot_img

Mais Lidas

Notícias Relacionadas
Notícias Relacionadas

Zimbabué oferece apoio a projectos portuários em Moçambique

O porta-voz nacional do Zimbabué, Christopher Mutsvangwa, anunciou o...

RITES da Índia vai fornecer locomotivas de 37,6 milhões de dólares para Moçambique

India Technical and Economic Service (RITES), consolidou um negócio...

Moçambique será o terceiro maior importador de arroz em África no Próximo Ano

De acordo com informações recentes divulgadas pela Business Africa...

Banco Alemão investe 45 milhões de Euros na gestão sustentável de Recursos Naturais na África Austral

Banco Alemão disponibilizou um financiamento avaliado em, 45 milhões...