Segunda-feira, Maio 27, 2024
spot_img

Mina de Moma pode operar por mais 100 anos

A mina de dragagem de minerais de titânio em Moma, na província de Nampula, operada pela empresa irlandesa Kenmare Resources, tem recursos suficientes para operar durante mais de 100 anos ao ritmo actual de produção, de acordo com o director-geral da Kenmare, Michael Carvill.

Numa entrevista ao jornal “Irish Times”, Carvill disse que a empresa não tinha “planos de M&A (fusões e aquisições)” fora da mina Moma em Moçambique, que tinha uma base de recursos suficiente para durar mais um século.

A mina produz ilmenite (óxido de titânio de ferro), rutilo (dióxido de titânio) e zircónio (silicato de zircónio). A mina Moma é o maior fornecedor de ilmenita do mundo. A ilmenite e o rutilo são ambos utilizados para produzir pigmentos, enquanto o zircónio é utilizado na indústria cerâmica e em refractários e conversores de combustíveis catalíticos. O metal de titânio é amplamente utilizado na indústria aeroespacial.

Carvill falava como Kenmare relatou lucros recorde semestrais de 48 milhões de dólares americanos, um aumento de 278 por cento em relação ao valor de 2020. Isto é atribuído ao aumento dos volumes de produção e expedição.

Kenmare relatou um aumento de 51 por cento nas receitas durante os seis meses até ao final de Junho deste ano para 178,2 milhões de dólares, uma vez que os volumes de vendas aumentaram 44 por cento e os preços de venda aumentaram cinco por cento.

Carvill afirmou que os resultados de Kenmare foram impulsionados por uma retoma da actividade económica global e por uma escassez de fornecimentos de titânio em geral. Ele associou a escassez de oferta a um período sustentado de preços baixos para o pigmento de titânio e matérias-primas, o que normalmente desencadeia níveis mais baixos de investimento.

A produção de ilmenite na mina de Kenmare aumentou 52% com 559.000 toneladas. Apesar de as recuperações de ilmenite serem ligeiramente inferiores ao esperado, a produção estabeleceu um novo recorde trimestral no segundo trimestre e as recuperações voltaram agora aos níveis esperados, disse Kenmare.

Entrevistas Relacionadas

Emose obteve lucro de mais de 40 milhões de Meticais em 2023

O resultado líquido da Empresa Moçambicana de Seguros (Emose)...

INP considera movimento da Galp como rotineiro

O Instituto Nacional de Petróleo (INP) declarou na Quinta-feira,...

Vodacom Moçambique lança Fundação para impacto social

A Vodacom Moçambique fez o lançamento oficial da Fundação Vodacom Moçambique. A cerimónia...

Galp concluiu a venda da sua participação no projecto GNL

A Galp concluiu a venda de sua participação no...