Segunda-feira, Maio 27, 2024
spot_img

Moçambique regista aumento de 10,5% nos agentes de serviços financeiros móveis

O sector de serviços financeiros pelo telemóvel registou um aumento significativo em Moçambique, com o número de agentes de Instituições de Moeda Electrónica (IME) aumentando 10,5% em apenas três meses, alcançando quase 225 mil agentes. Esse aumento resultou em uma cobertura de todos os 154 distritos do país.

O Banco de Moçambique (BdM) divulgou um relatório estatístico mostrando que, em Setembro passado, havia 203,2 mil agentes de IME, número que cresceu para 224,7 mil até o final de Dezembro. O relatório também destaca que todos os distritos do país agora têm agentes de IME, sendo que a cidade de Maputo possui o maior número, com mais de 33 mil agentes.

Em 2023, as instituições de IME bateram o recorde de transferências, realizando mais de 400 milhões de operações. O número de contas nas IME também aumentou significativamente, passando de 11,4 milhões em 2021, para 11,9 milhões em 2022, e atingindo 16,5 milhões no ano passado.

O Governo, na proposta orçamental para 2024, planeia continuar as reformas de política fiscal para aumentar a arrecadação de receitas, incluindo a tributação das comissões dos agentes e instituições de moeda electrónica.

Actualmente, Moçambique possui três Instituições de Moeda Electrónica, pertencentes às três operadoras de telecomunicações móveis do país. São elas a carteira móvel mKesh, da operadora estatal Tmcel, criada em 2012, o M-Pesa, da Vodacom, lançado em 2013, e o e-Mola, da Movitel, iniciado no ano seguinte. Essas instituições têm desempenhado um papel fundamental na promoção da inclusão financeira e no acesso a serviços financeiros para a população moçambicana.

Entrevistas Relacionadas

Emose obteve lucro de mais de 40 milhões de Meticais em 2023

O resultado líquido da Empresa Moçambicana de Seguros (Emose)...

INP considera movimento da Galp como rotineiro

O Instituto Nacional de Petróleo (INP) declarou na Quinta-feira,...

Vodacom Moçambique lança Fundação para impacto social

A Vodacom Moçambique fez o lançamento oficial da Fundação Vodacom Moçambique. A cerimónia...

Galp concluiu a venda da sua participação no projecto GNL

A Galp concluiu a venda de sua participação no...