Quarta-feira, Maio 22, 2024
spot_img

Número de mulheres em posição de liderança cresce na EDM

A Electricidade de Moçambique (EDM), passou de 18 mulheres em posições de liderança, em 2014, para 26, em 2021, sendo um crescimento de 8%.

A EDM “tem actualmente 18% de representação feminina na sua força de trabalho, um número considerável tendo em conta o facto de a empresa operar num sector tradicionalmente masculino”, lê-se num comunicado da empresa, acrescentando que isto vai ao encontro do compromisso da empresa de aumentar a presença feminina na organização para 40% até 2030.

Na mensagem enviada aos trabalhadores no Dia Internacional da Mulher, o Presidente da EDM Marcelino Gildo reafirma o empenho do Conselho de Administração em continuar a assegurar a igualdade de direitos e oportunidades para homens e mulheres na empresa, combatendo todo e qualquer tipo de discriminação e violência contra as mulheres.

Numa altura em que o país e o mundo enfrentam o desafio do Covid-19, “as mulheres são chamadas a ajudar a sociedade a ultrapassar esta pandemia com a sua liderança na disseminação de mensagens e na promoção de comportamentos preventivos e seguros, ajudando o mundo a retomar o desenvolvimento sustentável”, sublinha a mensagem de Marcelino Gildo.

Entrevistas Relacionadas

Moçambique busca parcerias privadas para expansão da rede energética

O Fundo Nacional de Energia (FUNAE) enfatizou a necessidade...

Moçambique registou um crescimento de 14% na produção de energia

A produção de electricidade através de parques solares em...

EDM revela crescimento de 9% na exportação de energia em 2023 para países vizinhos

A empresa pública Electricidade de Moçambique (EDM) divulgou que...

A transição energética representa uma grande oportunidade para Moçambique

Falando na Conferência de Energia e Mineração de Moçambique...