Quinta-feira, Fevereiro 22, 2024
spot_img

Portugal-Moçambique cooperação que prevê estímulo pós-pandemia

Francisco André, secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e Cooperação português, disse que o Programa Estratégico de Cooperação 2022-2026 com Moçambique vai centrar-se no “estímulo” à recuperação pós-pandemia, dando expressão ao “excelente relacionamento” bilateral.

O secretário apontou as prioridades do próximo acordo-quadro de cooperação entre Portugal e Moçambique, numa declaração que leu à imprensa, após um encontro com o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação moçambicano, Manuel Gonçalves.

As relações entre os dois países, prosseguiu, passarão pelo “combate a esta pandemia de covid-19 e também no estímulo que aí será necessário para a recuperação” do impacto da pandemia.

Francisco André apontou a educação, saúde, justiça e desenvolvimento humano como domínios que vão merecer atenção especial no Programa Estratégico de Cooperação 2022-2026.

O programa deverá ser assinado na cimeira bilateral a decorrer até final deste ano, em data e lugar ainda por definir, acrescentou o governante.

“Esperamos que [a cimeira] tenha resultados concretos, sobretudo que tenha resultados que sejam ambiciosos e de interesse comum aos dois países”, declarou o secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e Cooperação de Portugal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Partilhe:

spot_imgspot_img

Mais Lidas

Notícias Relacionadas
Notícias Relacionadas

RITES da Índia vai fornecer locomotivas de 37,6 milhões de dólares para Moçambique

India Technical and Economic Service (RITES), consolidou um negócio...

Moçambique será o terceiro maior importador de arroz em África no Próximo Ano

De acordo com informações recentes divulgadas pela Business Africa...

Banco Alemão investe 45 milhões de Euros na gestão sustentável de Recursos Naturais na África Austral

Banco Alemão disponibilizou um financiamento avaliado em, 45 milhões...

Banco de Desenvolvimento Alemão investe 21 milhões de dólares em energias renováveis no país

O Banco de Desenvolvimento Alemão (KfW) pretende investir até...