Quarta-feira, Fevereiro 21, 2024
spot_img

SEQUELANE GROUP obrigada a suspender as actividades

É a segunda empresa de transporte de passageiros a ser suspendida em menos de um mês devido a problemas similares.

A medida, segundo explica a instituição, através de um comunicado de imprensa, surge após ter sido constatado que a empresa não dispõe de frota de autocarros em condições técnicas para a prestação do serviço de transporte interprovincial seguro e condigno.

No mesmo comunicado, o Ministério refere que no dia 23 de Dezembro de 2022 a transportadora foi flagrada, no Terminal da Junta, numa situação de “irresponsabilidade, falta de compromisso e respeito aos passageiros, tendo chegado ao extremo de vender bilhetes de passagem para uma viagem Maputo-Nampula que não chegou a ser efectuada, devido à falta de autocarro em condições mecânicas para a prestação deste serviço”.

A suspensão ira prevalecer até a correção das deficiências técnicas da sua frota e posterior aprovação por uma inspecção técnica da Direcção Nacional dos Transportes e Segurança do Ministério.

“Aos infractores, continuaremos a aplicar medidas mais arrojadas com vista à proteção da vida dos passageiros e demais utentes da via pública”, lê-se no documento do Ministério.

O Pais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Partilhe:

spot_imgspot_img

Mais Lidas

Notícias Relacionadas
Notícias Relacionadas

Zimbabué oferece apoio a projectos portuários em Moçambique

O porta-voz nacional do Zimbabué, Christopher Mutsvangwa, anunciou o...

RITES da Índia vai fornecer locomotivas de 37,6 milhões de dólares para Moçambique

India Technical and Economic Service (RITES), consolidou um negócio...

Moçambique será o terceiro maior importador de arroz em África no Próximo Ano

De acordo com informações recentes divulgadas pela Business Africa...

Banco Alemão investe 45 milhões de Euros na gestão sustentável de Recursos Naturais na África Austral

Banco Alemão disponibilizou um financiamento avaliado em, 45 milhões...