Quinta-feira, Julho 18, 2024
spot_img

Workshop de facilitação de acesso ao financiamento para MPMEs em Nampula

A cidade de Nampula foi palco de um evento transformador nesta quinta-feira (04), promovido pelo projecto FTF Premier-Oholo (PRO), uma iniciativa financiada pela USAID e pela SDC. O workshop visou conectar as micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) com serviços de desenvolvimento empresarial (BDS) e instituições financeiras que operam no Corredor de Nacala.

Durante o workshop, mais de 40 MPMEs tiveram a oportunidade de descobrir novos produtos financeiros, entender os perfis de mutuários desejados e aprender sobre os critérios de elegibilidade para crédito. Espera-se que essas interações resultem em novas parcerias e num mercado local mais forte.

Estas MPMEs são fruto de uma intervenção integrada do projecto PRO que incluiu capacitações em habilidades de gestão empresarial, mentoria, preparação de planos de negócios e networking. Hoje, estão prontas para aderir de forma competitiva e sustentável às soluções de financiamento disponíveis no Corredor de Nacala.

Participaram deste workshop seis instituições financeiras, seis prestadores de BDS, representantes de projectos parceiros, autoridades locais e organizações da sociedade civil. Este foi um passo crucial para criar um sistema de mercado mais inclusivo e sustentável.

Segundo Muhamad Hanif, Director do projecto FTF Premier-Oholo, o objetivo é “garantir que essas empresas tenham acesso aos recursos financeiros necessários para prosperar e contribuir para a redução da pobreza e o aumento da segurança alimentar no norte de Moçambique, com principal enfoque no Corredor de Nacala.”

O projecto FTF Premier-Oholo intervém no Corredor de Nacala, que começa no porto de Nacala e abrange toda a província de Nampula, bem como os distritos adjacentes da Zambézia, Niassa e Cabo Delgado. O PRO é um projecto de 32,2 milhões de dólares, implementado ao longo de cinco anos, com a colaboração conjunta da Agência dos Estados Unidos da América para o Desenvolvimento Internacional (USAID) e da Agência Suíça para Desenvolvimento e Cooperação (SDC) nos últimos 3,5 anos.

Entrevistas Relacionadas

Zambézia recebe 75 milhões de meticais para apoiar iniciativas de jovens

O Governo de Moçambique, através da Secretaria de Estado...

Moçambique entre os seis países africanos que repartirão US$ 94 milhões concedidos pela Noruega

A Noruega acaba de assumir um compromisso para alocar...

CTA e GAIN lançam linha de financiamento de $11,5 milhões para PMEs que produzem alimentos nutritivos

CTA e GAIN lançam linha de financiamento para alimentos...