- Anúncio-

Dois grandes erros de liderança que você deve evitar

Análise de Mercado

Uma coisa é certa. Com a massificação de conhecimento e informação, nos dias de hoje, não é só dos trabalhadores que se exige habilidades. Os líderes, agora mais do que nunca, precisam treinar-se para guiar a organização à bom porto. 

Infelizmente, desde os tempos do Taylorismo aos dias de hoje, muito há por se mudar ao nível das lideranças organizacionais. Um ser humano gasta mais de um terço do seu tempo diário no local de trabalho, cinco vezes por semana – às vezes, infelizmente, mais dias que cinco. 

Já sabem por onde vou. O clássico discurso de chamada de atenção, pois, a ser verdade, vivemos no trabalho e, de vez em quando, caso este nos permita, damos umas voltas breves em casa para recarregar as energias. 

O trabalho dignifica o Homem é o que ouvimos. Contudo, existe um conjunto de erros clássicos cometidos por líderes que tornam a tal dignidade muito indigna. Então, que erros quero eu destacar neste artigo? Ora, vejamos:

Falta de Direcção

Muito óbvio, mas, infelizmente este é o erro clássico cometido pelos líderes, chefes, directores e etc. Muitos simplesmente não sabem o que fazer nem para onde ir.

Não é um certificado de incompetência buscar ajuda para tal. Hoje em dia, existem diversos consultores que podem auxiliar na clareza de objectivos e trajectória para a sua empresa. 

Pode por si mesmo, sentar e escrever em algum lugar quais são as metas da empresa. O que se pretende fazer? Como se vê dentro de um, dois ou mesmo, cinco anos. Depois disso, pense nas metas menores. 

O que precisa ser feito diariamente, semanalmente e mensalmente para que a meta maior seja alcançada? Tendo estes pontos esclarecidos, jamais será um líder que tenta guiar uma organização “às cegas”.

Uma fraca liderança desmotiva qualquer trabalhador, principalmente se for acompanhada do erro seguinte.

Fraca Comunicação

Muito mais do que falar bem, o saber comunicar-se está igualmente ligado ao saber ouvir.

Em Política Externa é usado o termo “líder insensível” para descrever pessoas que tomam em consideração outras opiniões que não seja as suas. Ninguém é capaz de saber tudo e ser líder tampouco significaria isso. Há boas ideias e pensamentos em cada trabalhador.

Não saberia colocar isto de uma forma mais sensível, mas, simplesmente escute. Abra espaço para ouvir. Nada de aberturas implícitas. Nada de “mostrar abertura”. Este espaço deve estar aberto de forma nítida como parte da cultura organizacional. Seja por meio de inquéritos on-line, uma caixa para depósito de reclamações ou sessões periódicas de avaliação.

É importante que os colaboradores sintam-se participantes activos na vida da organização.

Imagine seu colaborador, com muita vontade de trabalhar e dar o seu melhor, mas, não consegue usar todo o potencial porque você, como líder, não sabe guiá-lo e/ou ouvi-lo. Será possível ter uma organização com sucesso, desta forma?

Muitas vezes, os colaboradores não abandonam a empresa por melhores salários, eles o fazem porque a liderança torna impossível produzir. É missão do líder manter os colaboradores altamente motivados, fazer nascer neles o sentimento de pertença que é primordial para o sucesso empresarial.

- Anúncio-

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Anúncio-

Destaque

Presidente da ACIS incentiva as empresas a filiarem-se em associações

O Presidente da Associação de Comércio, Indústria e Serviços (ACIS) Luís Magaço Jr., encoraja os empresários a filiarem as...
- Anúncio-

More Articles Like This

- Advertisement -