Quinta-feira, Julho 18, 2024
spot_img

Governo propõe novo voo para facilitar deslocamento de mineiros entre Moçambique e África do Sul

O ministro moçambicano dos Transportes e Comunicações, Mateus Magala, explicou nesta sexta-feira, 22 de Dezembro, que o voo entre Lanseria, na África do Sul, e Xai-Xai, em Gaza, é uma alternativa “viável” e rápida para os mineiros, pois vai facilitar a sua deslocação.

“Com este voo, colocamos à disposição dos nossos compatriotas uma alternativa viável para uma ligação regular com o solo pátrio, ao mesmo tempo que abrimos uma oportunidade para o transporte rápido e mais ajustado de turistas sul-africanos que demandam as praias moçambicanas”, afirmou o governante.

Intervindo durante o voo inaugural dedicado especialmente a mineiros, o ministro revelou que viajaram numa primeira fase cerca de 180 moçambicanos trabalhadores nas minas da Africa

“A pensar nos mineiros, as Linhas Aéreas de Moçambique (LAM) duplicaram para 46 quilos o limite de bagagem por passageiro, além de se ter alcançado um acordo que assegura o transporte de bens dos mineiros até às suas residências. Vamos introduzir brevemente o transporte aéreo de carga e aí vamos dar mais valor, atenção, cuidado e mais carinho aos nossos mineiros”, declarou o governante.

Mateus Magala manifestou a intenção de se aumentar a frequência de voos para mais de um por semana, pedindo, por isso, a criação de iniciativas para atrair maior tráfego para o Aeroporto Filipe Jacinto Nyusi e a maximização de oportunidades de negócio proporcionados pela nova rota.

“Para o Aeroporto Filipe Jacinto Nyusi exortamos para que se prossiga o trabalho em curso para a mobilização de mais tráfego para esta infra-estrutura, sendo nossa convicção que estão lançadas as bases para a província de Gaza viabilizar várias iniciativas que demandam a disponibilidade regular do transporte aéreo”, disse.

O aeroporto Filipe Jacinto Nyusi foi inaugurado em 11 de Novembro de 2021, mas, desde então, não tem, praticamente, tido actividade comercial, sendo esta a primeira grande operação da infra-estrutura.

Entrevistas Relacionadas

FMI: Nada norteia atribuições de isenções fiscais em Moçambique

Alexis Meyer-Cirkel está de saída de Moçambique, onde esteve...

CMM Quer cooperar regionalmente na Indústria Mineira

O presidente do Conselho de Administração da Câmara de Minas...

Moçambique participa no Festival Standard Bank Luju Food & Lifestyle 2024

Moçambique marcará presença no Festival Standard Bank Luju Food...

CTA afirma não ter sido notificada sobre apreensão da sua sede

A Confederação Moçambicana das Associações Económicas (CTA) alega que...