Sexta-feira, Julho 19, 2024
spot_img

HCB suspende descargas face à tempestade tropical “Freddy”

“Com esta medida de gestão hidrológica, a barragem de Cahora Bassa irá contribuir para a redução significativa dos níveis hidrométricos no baixo Zambeze”, referiu o presidente da Hidroeléctrica de Cahora Bassa (HCB), Boavida Muhambe, em comunicado emitido hoje, terça-feira.

O objectivo é “evitar o agravamento dos possíveis impactos negativos da passagem do ciclone tropical ‘Freddy’. Neste sentido, a barragem estará a cumprir com uma das suas principais funções, a de minimização dos efeitos nefastos dos eventos extremos a jusante do empreendimento”, concluiu.

Moçambique está a meio da época chuvosa, com as bacias hidrográficas em alerta e inundações em vários pontos.

O ciclone “Freddy”, que hoje deverá abater-se sobre Madagáscar, poderá perder força, mas ainda assim chegar a Moçambique com a classificação de tempestade tropical com força destruidora, entre a noite de quinta e a manhã de sexta-feira, 24.

As sucessivas previsões vão dando como possível trajectória da intempérie um percurso cada vez mais a sul do vale do Zambeze, sendo agora apontada a província de Inhambane como possível zona de entrada, a partir da costa.

Os serviços meteorológicos antecipam dias de chuva intensa na sua passagem em direcção ao interior do País.

Entrevistas Relacionadas

Engie Energy fornece energia solar a mais de 220 mil famílias em Moçambique

Mais de 220 mil famílias em Moçambique já estão...

Moçambique propõe abordagem adaptada na transição energética para países em desenvolvimento

Moçambique defende que as metas globais para a redução...

Banco Mundial destina 150 Milhões de dólares para impulsionar o sector energético em Moçambique

O Banco Mundial vai canalizar  150 milhões de dólares...

Niassa: concluídas as obras da mini central hídrica de 400 milhões de meticais

As obras de construção da mini central hídrica de...