Sábado, Junho 15, 2024
spot_img

Moçambique e Malawi passam a usar o Porto de Nacala para tráfego de mercadorias

A Empresa Nacala logistics, concessionária da infra-estrutura ferroviária do Corredor de Nacala, vai disponibilizar seiscentos vagões e respectivas locomotivas para viabilizar o transporte de cargas de fertilizantes que Malawi pretende importar nos próximos três meses.

O anúncio da disponibilidade destes meios foi feito recentemente, pelo presidente do conselho de administração (PCA) da NACALA LOGISTIC, Welington Soares, no final da visita conjunta ao porto de Nacala -Velha, dos Ministros dos Transportes e Obras Públicas do Malawi, Mohammed Sidik Mia, e dos transportes e comunicações de Moçambique Janfar Abdulai.

O ministro para área dos transportes e comunicações de Moçambique fez saber que são perto de 80 mil toneladas de fertilizantes a serem importadas para Malawi, através do Porto de Nacala e a preocupação deste país, prende-se com a capacidade e segurança dos antigos vagões de comboios em fazer chegar ao destino seus produtos.

O ministro dos transportes e Obras públicas do Malawi, disse ficar impressionado com a abertura de Moçambique para solução das preocupações do seu país.

Entrevistas Relacionadas

Cenário Fiscal de Médio Prazo (2025-2027): Despesas públicas mantém pressão sobre as finanças públicas

O Produto das medidas em curso de consolidação orçamental...

Moçambique responde ao GAFI com avaliação de ONGs: uma medida contra o financiamento ao terrorismo

O lançamento do relatório de avaliação de risco das...

Presidente da República apresentará último estado da nação em sessão Plenária de Julho

A Assembleia da República de Moçambique está programada para...

Banco de Moçambique reduz taxa de juro para 15%

O Banco de Moçambique anunciou a redução da sua...