Terça-feira, Julho 23, 2024
spot_img

Banco Mundial financia electrificação em Moçambique com 35 milhões de dólares

O Banco Mundial está financiando com cerca de 35 milhões de dólares americanos a implementação do PRO-ENERGIA, um projecto de electrificação dos bairros e zonas de expansão nas cidades de Nampula, Nacala-Porto e Angoche em Moçambique.

Do total, 12 milhões de dólares estão sendo aplicados nas obras de electrificação de dez postos administrativos na província de Nampula, com desembolsos por fases até 2030.

O director da Área de Serviço ao Cliente da Empresa de Electricidade de Moçambique (EDM) em Nampula, Cristiano Neves, afirmou que as obras de electrificação dos postos administrativos de Olúzi e Calipo, no distrito de Mogovolas, e Nihessiue, em Murrupula, abrangidos pelo PRO-ENERGIA, serão concluídas ainda este ano.

Neves também destacou que o progresso da electrificação dos dez postos administrativos está ocorrendo a um bom ritmo.

Entrevistas Relacionadas

EDM acelera obras da linha de alta tensão Moçambique-Maláui

Cláudio Dambe, director de Electrificação e Projectos na Electricidade...

Metas de electrificação rural em risco devido ao terrorismo em Cabo Delgado

O terrorismo que tem assolado algumas zonas dos distritos...

ENGIE Energy Access celebra cinco anos de operações em Moçambique

Na passada sexta-feira (19), a ENGIE Energy Access celebrou...

Vulcan inicia construção da Central Térmica de 300 MW na mina de carvão moatize

A Vulcan realizou, na última quarta-feira, 17 de julho,...